criticar é uma arte

6 11 2007

Sempre achei que é preciso talento para destruir a obra artística de outra pessoa. Dizer que tal livro é um lixo é fácil demais. Não serve.

Criticar é uma arte à parte. Como mostra essa texto de Alan Jacobs sobre os Collected Works de Kahlil Gibran.

Um trecho:

Envy me not, then,
O my friends, my readers;
Though the Prophetic Strain echoes in each line I write,
Though you covet said Strain for your own,
Heed me and flee.
The words I give you now are words of Life, and not Death,
Though I suppose the Prophet would proclaim that Death and Life are the same,
And that only the foolish would divide the two,
The Two which are One.
But He’d be wrong about that, I’m pretty sure.
So again I turn and I say to you,
Pass by the Collected Works of Kahlil Gibran,
Touch it not nor gaze upon it,
But go about your ways in peace of heart and with thanksgiving.
Fly, you fools!


Ações

Information

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: